Cerca de 1,5 milhão de pessoas morreram de tuberculose em 2020. Segundo relatório da organização, a pandemia de Covid-19 reverteu anos de progresso global no combate à tuberculose. A principal maneira de prevenir a tuberculose em crianças é com a vacina BCG
Reprodução/TV TEM
O combate à tuberculose foi muito afetado por conta da pandemia de Covid-19. Segundo o relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS), as mortes pela doença aumentaram pela primeira vez em mais de uma década.
Pandemia de Covid-19 reduziu combate à Aids e à tuberculose
Tuberculose: o que é e quais são os sintomas, diagnóstico e tratamento
OMS libera vacinação ampla contra malária em regiões com alta transmissão
Em 2020, mais pessoas morreram de tuberculose, com muito menos pessoas sendo diagnosticadas e tratadas ou recebendo tratamento preventivo em comparação com 2019. Foram cerca de 1,5 milhão de mortos pela doença no ano passado.
“Este relatório confirma nossos temores de que a interrupção dos serviços essenciais de saúde devido à pandemia possa começar a desvendar anos de progresso contra a tuberculose”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS.
“Esta é uma notícia alarmante que deve servir como um alerta global para a necessidade urgente de investimentos e inovação para fechar as lacunas no diagnóstico, tratamento e cuidados para milhões de pessoas afetadas por esta doença antiga, mas evitável e tratável”, alerta Tedros.
O aumento no número de mortes ocorreu, principalmente, nos 30 países com a maior carga de tuberculose. A OMS também estima que cerca de 4,1 milhões de pessoas têm a doença, mas não foram diagnosticadas ou não relataram oficialmente às autoridades.
Os países com o maior número de casos de tuberculose incluem Índia, China, Indonésia, Filipinas, Nigéria, Bangladesh e África do Sul.
Tuberculose: sintomas e formas de transmissão
Arte G1
Tuberculose: o que é?
A tuberculose é uma doença infecciosa que afeta prioritariamente os pulmões. A doença é altamente contagiosa e é causada pelo bacilo de Koch. A principal forma de transmissão é através da tosse.
O tratamento da tuberculose dura no mínimo seis meses. Por ser longo, muitas vezes as pessoas acabam interrompendo o tratamento, o que não é recomendado. No brasil, ele é oferecido gratuitamente no Sistema Único de Saúde (SUS).
Existe vacina para prevenir a tuberculose: a BCG. Ela deve ser dada ao nascer ou, no máximo, até 4 anos, 11 meses e 29 dias. Outras formas de prevenção: lave sempre as mãos e mantenha os ambientes bem ventilados, arejados e com entrada da luz solar.
Tuberculose: tratamento dura, no mínimo, seis meses
VÍDEOS mais vistos do g1 nos últimos dias