A menina, de El Salvador, foi levada pelos policiais para um centro de triagem na Califórnia. Coiote caminha com criança salvadorenha antes de abandoná-la, sozinha, na fronteira americana
Reprodução/Defesa dos EUA
Uma criança de 7 anos foi abandonada na fronteira dos Estados Unidos nesta terça-feira (12), informaram as autoridades locais.
A pequena, de origem salvadorenha, cruzou o muro que divide o México com a Califórnia carregada por um traficante de pessoas, que, após deixá-la no solo, fugiu.
Os agentes da fronteira acompanharam toda a ação por câmeras de vigilância, mas afirmaram ter esperado o coiote se afastar para que a criança não corresse perigo.
Initial plugin text
A menina foi levada pelos policiais para um centro de triagem na Califórnia, onde ela passará por exames médicos e “todos os trâmites serão realizados”, informou a Defesa dos EUA em nota.
O chefe da patrulha de fronteira, Gregory Bovino, disse em um comunicado que há muitos perigos ao se cruzar a fronteira de forma ilegal, e que nenhuma criança deveria ser exposta a estes riscos.
“Ninguém deveria abandonar uma criança aos perigos de uma travessia ilegal”, afirmou Bovino. “Traficantes sempre as verão como um produto, para lucrar, sem considerar a segurança delas.”